Conheça também

null null null
 

Sociedade constrói valores

Família, local de trabalho, mídia e grupos de amigos constróem valores que são absorvidos no dia-a-dia
02.jpg

Os valores da sociedade moderna mudam com o passar do tempo. De um modo geral, a sociedade a valorizar muito mais o “ter” do que o “ser”. Os preceitos morais têm se transformado em valores materiais. Você é o que você pode comprar. Esta ideologia fomenta muitos preconceitos em nossa sociedade.

Hoje a conduta do indivíduo passa a ser condicionada pela busca do status, segundo a professora de psicologia da Metodista, Angélica Capelari. “As pessoas procuram se encaixar no sistema da sociedade”.

A psicóloga disse que as influências são vêm de conversas, de peças publicitárias, atitudes e modo de vida de determinados grupos. Elas são feitas não pela sociedade em geral, mas pelo o que ela chama de “grupos menores”, como círculo de amigos, família e local de trabalho e as ideologias que cada pessoa tem. “Os valores também dependem do estilo de criação. De como a pessoa foi ensinada e condicionada no decorrer da sua vida”.

A professora ressaltou que as pessoas tentam acabar com as frustrações consumindo e buscando ascensão social. Essa característica da supervalorização dos bens materiais afeta bastante os adolescentes. Para a estudante Marina Garcia, as pessoas que consomem demais possuem um comportamento fútil. “Eu uso e faço o que eu quero, o que me faz bem. Para mim quem se deixa levar, não tem opinião. “

A propaganda, principalmente nos meios televisivos e online, são os principais acusados de propagarem essa supervalorização do consumismo. Uma das estratégias utilizadas pelos publicitários é a utilização das cores e das formas para criar reações nas pessoas. Angélica comenta: “Uma das funções do marketing é criar necessidade. Hoje em dia as pessoas não vivem sem celular e há 10 anos não era dessa maneira. Além disso, o que interessa é o modelo de celular, qual é o mais moderno e não o fato ter um celular”.

Para Magali do Nascimento, jornalista e professora da Universidade Metodista de São Paulo, a mídia é a grande responsável por todo esse processo. “A mídia acaba tendo um papel fundamental no reforço ou no desprezo de uma série de valores sociais e termina por conduzir processos”.


Cynthia Tavares
Ações do documento