delete

Crivella percorre templos da Universal para agradecer e pedir orações

Depois de uma viagem a Israel, onde aliou o turismo religioso a uma visita à prefeitura de Jerusalém, o prefeito eleito do Rio, Marcelo Crivella, aproveitou o domingo 13 de novembro para ir a diversos templos da Igreja Universal do Reino de Deus, do qual é bispo licenciado. Imagens divulgadas em redes sociais mostram Crivella um unidades de regiões como Inhaúma, Maré e Del Castilho, onde fica o Templo da Glória do Novo Israel, conhecido como Catedral da Fé. A página “Universal Inhaúma” divulgou fotos de Crivella ao lado do pastor da Universal Carlos Azevedo e do vereador reeleito...
delete

Cuánto influyó en el triunfo de Donald Trump la posición de Hillary Clinton a favor del aborto

  Ni siquiera a muchos conservadores católicos y evangélicos, que apoyaron de manera abrumadora al candidato republicano que será presidente a partir del 20 de enero. El 81% de cristianos evangélicos blancos no hispanos y el 60% de católicos blancos no hispanos votaron por él, según cifras del Instituto Pew. Trump no se presentó como un hombre de fe en su campaña, pero fue enfático en que nominará a la Corte Suprema a un magistrado opuesto al aborto y en que recortará por completo los fondos federales destinados a Planned Parenthood (PP), el mayor proveedor de servicios reproductivos del país que realizó más de 300.000 procedimientos...
delete

Prefeito eleito do Rio Marcelo Crivella viaja para Israel para tratar de segurança

O prefeito eleito Marcelo Crivella reuniu-se domingo (6/11), com o prefeito de Jerusalém Nir Barkat para tratar de assuntos referentes à segurança, educação e turismo. Barkat abordou os sistemas de vigilância adotados naquele País com armas não letais e treinamento da Guarda. Enquanto fazia campanha a prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella contou a líderes da comunidade judaica carioca que já tinha ido 35 vezes a Israel e poderia trazer de lá muitas ideias, especialmente na área de segurança pública. O Estado judeu é referência mundial em desenvolvimento de estratégias de defesa militar. Os prefeitos conversaram também acerca...
delete

Editorial do Jornal O Globo avalia que Crivella venceu por exclusão

Em editorial publicado em 1 de novembro, o jornal O Globo, avalia que o Prefeito eleito do Rio Marcelo Crivella ele venceu por exclusão: “O prefeito eleito deve saber que teve menos votos que a soma dos sufrágios de Freixo, com os anulados e os em branco, e isso significa que ganhou por exclusão”. Confira o texto: Crivella precisa entender as razões da vitória Ponta de lança de antigo projeto evangélico de ter representantes eleitos no Executivo e atuar nas entranhas do poder, estratégia em que se destaca a Igreja Universal, o bispo licenciado Marcelo Crivella, do PRB, é...
delete

Pastor Malafaia promete criticar Marcelo Crivella se ele transformar prefeitura do Rio em filial da Universal. Ex-Deputado Anthony Garotinho aposta em sucesso...

Terminada a disputa pela prefeitura do Rio de Janeiro, com a vitória do bispo e senador Marcelo Crivella (PRB-RJ), o pastor Silas Malafaia deixou de lado o papel de cabo eleitoral e prometeu criticar o prefeito eleito caso ele transforme a administração municipal em uma extensão da Igreja Universal do Reino de Deus. “Se lotear a prefeitura com a Igreja Universal, vai apanhar muito. E eu vou ser o primeiro a bater”, afirmou Malafaia, que entende que o bispo precisa provar que os prognósticos de seus adversários estavam errados. O pastor fez uma análise contemporizadora, afirmando que Crivella poderá...
delete

A esquerda e os evangélicos: o que aprender com a vitória de Crivella

Por Roberto Dutra, doutor em sociologia pela Universidade Humboldt de Berlim e professor da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf) A vitória de Marcelo Crivella (PRB) sobre Marcelo Freixo (PSOL) representa muito mais do que a derrota da esquerda para um candidato da direita religiosa na segunda maior capital do país. Representa um realinhamento político e eleitoral com potencial de se nacionalizar. Mesmo que seja impossível identificar exatamente quando começou o enfraquecimento da adesão das classes populares ao “lulismo”, 2016 – ano em que o PT foi apeado do poder por meio de um golpe parlamentar –...