delete

Ataques a religiões de matriz africana fazem parte da nova dinâmica do tráfico no Rio

“Todo o mal tem que ser desfeito, em nome de Jesus”, diz um traficante, ordenando que uma yalorixá destrua as imagens do seu terreiro em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, divulgado em 13 de setembro. Em outro vídeo que circula nas redes sociais, um homem “lembra” a um pai de santo que o chefe não quer macumba no local: “É só um diálogo [segurando um taco de baseball escrito diálogo] que eu tô tendo com vocês. Da próxima vez eu mato”, diz. As cenas  absurdas  são uma amostra de uma onda de ataques a terreiros de umbanda e candomblé comandados por traficantes...
delete

Intolerância religiosa: destruição de terreiro no Grande Rio por “traficantes de Cristo”

Mais um terreiro de candomblé foi atacado por bandidos em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Sete criminosos armados invadiram o barracão, no bairro Ambaí, durante uma sessão. Eles obrigaram a yalorixá, sacerdotisa no local, a destruir as próprias imagens sob a mira de uma arma. Toda a ação foi gravada e divulgada pelos criminosos nas redes sociais. Testemunhas disseram à CBN que os bandidos chegaram a urinar nos santos, dizendo que não permitiriam a prática de “bruxaria” naquela comunidade. Os “filhos de santo”, como são chamados os fiéis, foram obrigados a deixar o local. Criminosos usaram os canos das armas para...
delete

Manifestantes protestam contra a intolerância religiosa em ato no Rio de Janeiro

Milhares de pessoas participaram em 17 de setembro de um ato contra a intolerância religiosa, na Praia de Copacabana, na zona sul da cidade no Rio de Janeiro. O ato, organizado pelas organizações não governamentais Comissão de Combate à Intolerância Religiosa (CCIR) e Centro de Articulação de Populações Marginalizadas (Ceap), reuniu principalmente fiéis de religiões de matriz afro-brasileira, mas também representantes de igrejas cristãs, da comunidade judaica e de outras religiões (Baha’i, wicca, kardecista, budista e Hare Krishna). Esta foi a décima edição da Caminhada em Defesa da Liberdade Religiosa, realizada poucos dias depois da divulgação de vídeos em...
delete

Censura: Justiça cancela apresentação de peça que traz Jesus como mulher trans em Jundiaí. Peça é ovacionada em outra cidade...

‘O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu’ estava em cartaz no Sesc Jundiaí A 1ª Vara Cível da Comarca de Jundiaí, em São Paulo, decidiu interromper a exibição da peça de teatro O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu, que estava em cartaz na unidade jundiaiense do Serviço Social do Comércio (Sesc). A informação foi confirmada pelo próprio Sesc em seu site oficial. A peça, desde sua estreia, já havia levantado polêmica por trazer Jesus Cristo, nos dias atuais, encarnado na pele de uma mulher transexual, de acordo com a sinopse oficial. Criada pela dramatuga escosesa e transexual Jo...
delete

Vereadores aprovam leitura bíblica nas escolas de Boa Vista/RR

Os vereadores da Câmara Municipal de Boa Vista, capital do estado de Roraima, aprovaram um projeto de lei em 6 de setembro, em segundo turno, que põe em pauta a leitura bíblia nas escolas de forma facultativa. O Pr. Jorge (PSC), responsável pela proposta, projetou para que a leitura fosse obrigatória. No entanto, uma emenda fez com que a proposta se tornasse facultativa. O texto foi aprovado com 13 votos a favor, um contra e uma abstenção. Depois da plena aprovação entre os parlamentares municipais, o texto segue para sanção ou veto da prefeita da capital, Teresa Surita, que...
delete

Diocese Católica do Alto Solimões manifesta-se sobre denúncia de massacre de indígenas no Vale do Javari

  Em nota divulgada em 11 de setembro,  a respeito do possível massacre de indígenasisolados no rio Jandiatuba, no interior da Terra Indígena Vale do Javari, a Diocese do Alto Solimões manifestou seu “máximo repúdio a este e a todo ato de violência para com nossos irmãos indígenas”, denunciando os prejuízos que a mineração vem provocando há anos nesta região. A nota, assinada pelo Bispo de Alto Solimões (AM), Dom Adolfo Zon Pereira, lamenta “o patrocínio pelo poder público federal à mineração em detrimento das minorias, especialmente dos Povos Indígenas”. Confira: Nota da diocese do Alto Solimões sobre os fatos nas terras do Jandiatuba (AM) “Os povos indígenas têm...