delete

Dos 28 deputados da comissão sobre aborto, 24 são contra interrupção da gravidez

Dos 28 titulares da comissão especial da Câmara dos Deputados que irá discutir mudanças na legislação sobre aborto, 24 já declararam abertamente ser contra a interrupção da gravidez. Dos integrantes colegiado, apenas três são mulheres. A comissão da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 58/2011, que trata de licença-maternidade no caso de bebês prematuros, foi constituída no último dia 6 de dezembro, após decisão do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), pressionado pela bancada religiosa. Apesar do nome da PEC, o objetivo central do colegiado é reverter a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de descriminalizar o...
delete

Bancadas evangélica e católica se unem contra decisão do STF sobre aborto. Prática continua proibida no Brasil

A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), em 29 de novembro, de descriminalizar o aborto de crianças com até 12 semanas gerou diferentes protestos no Congresso Nacional. Em meio a muitos debates e discursos, a Frente Parlamentar Evangélica, a Frente Parlamentar Mista Católica e a Frente Parlamentar em defesa da Vida e da Família fizeram uma manifestação pública no Salão Verde da Câmara. Empunhando faixas, cartazes e bandeiras, gritavam palavras de ordem que manifestavam sua contrariedade com a decisão do STF – que na prática legaliza a interrupção da gravidez. Foi lida uma nota pelo deputado federal João Campos...
delete

La ideologia de genero no existe. Es el tipico caso de una posverdad. Entrevista con Ana María Bidegaín

Ana María Bidegaín, colombosuiza de ancestros uruguayos, hace un repaso de las razones que han propiciado en los últimos años movimientos de fieles religiosos de la iglesia Católica hacia iglesias evangélicas, analiza el avance hacia un estado con pluralidad de confesiones y secularización, y comenta la relación religión-política. Ana María Bidegaín nació en Suiza, tiene ancestros en Uruguay y vivió 20 años en Colombia, país del que obtuvo la ciudadanía. Tiene un doctorado en Ciencias Históricas de la Universidad de Louvain, es profesora de la Universidad de la Florida y lo fue, entre otras, de la de Harvard. Ha...
delete

Papa concede perdão para o aborto e cria Dia Mundial dos Pobres. Qual é o alcance deste gesto?

Por John L. Allen Jr., em Crux,  20 nov. 2016. Tradução por Isaque Gomes Correa Em um documento concluindo o Ano Santo da Misericórdia, o Papa Francisco ampliou indefinidamente a permissão especial aos sacerdotes de perdoar as mulheres e outros envolvidos em casos de aborto, bem como a permissão a fiéis de receberem o perdão de membros de um grupo tradicionalista separatista. O pontífice também fez com que um dia no calendário litúrgico da Igreja Católica, que normalmente cai em novembro, seja observado como o “Dia Mundial dos Pobres”. “Será um Dia que vai ajudar as comunidades e cada batizado...
delete

STJ condena padre por impedir mulher de fazer aborto em Goiás

  O Superior Tribunal de Justiça (STJ) condenou um padre de Anápolis, a 55 km de Goiânia, a pagar R$ 60 mil de indenização por impedir que uma gestante fizesse um aborto que tinha sido autorizado pela Justiça. Segundo o STJ, o sacerdote pediu um habeas corpus alegando que os pais iriam praticar um homicídio. O feto havia sido diagnosticado com uma síndrome que impede a vida fora do útero e morreu logo após o nascimento, em 2005. De acordo com órgão, a Justiça de Goiás acatou o pedido do padre Luiz Carlos Lodi da Cruz e, no momento...