DISCIPLINA: LINGUAGEM, COMUNICAÇÃO E DISCURSOS SOCIAIS

DOCENTE: PROFª DRª Elizabeth Moraes Gonçalves
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO SOCIAL (MESTRADO)
PERÍODO: 1º semestre de 2008
HORÁRIO: às Terças-feiras das 10h40 às 13h10
CRÉDITOS: 03

Ementa


Análise das relações entre a Comunicação, as ciências da linguagem e as outras ciências. O conhecimento histórico da evolução das ciências da linguagem e sua contribuição metodológica para as outras ciências sociais e para a comunicação em especial. O papel social da linguagem como fator de interação social. Uma visão da composição signica das mensagens dos meios. As manifestações significantes e as produções de sentido no processo comunicativo. O conhecimento do discurso como forma de desvelar a intencionalidade do produtor das mensagens e de aguçar o senso crítico do receptor. Objetivos: Propiciar uma reflexão a respeito da importância da ciência da linguagem no contexto da comunicação e a sua influência na estrutura da comunicação como ciência. Ao pesquisar a história da linguagem vinculada ao estruturalismo e ao pós estruturalismo, o aluno deverá entender a busca da cientificidade da comunicação na ciência lingüística. Através da análise de diferentes mensagens, a comunicação será estudada como elementos de linguagens que se combinam de acordo com o contexto do enunciado e da enunciação.


Tópicos a serem abordados:

  1. Conceitos básicos para o desenvolvimento do curso.
  2. A divisão das linguagens proposta por Barthes.
  3. As diferentes concepções de linguagem. Linguagem e ação. Operadores argumentativos.
  4. Verbos de opinião. A construção do discurso
  5. Leis do Discurso, segundo Ducrot.
  6. Lingüística, teoria da comunicação. A compreensão do sentido. O texto e o sub-texto.
  7. Mídia e gêneros do discurso.
  8. Estética da criação verbal. Dialogismo e construção do sentido segundo Bakhtin
  9. A linguagem e seu funcionamento.
  10. projetos de pesquisa: análise de textos da mídia
  11. Silêncio e produção de sentidos.
  12. A enunciação e o discurso da Imprensa.
  13. . Análise do Discurso (fundamentos e princípios).
  14. O acontecimento midiático: a materialidade do tema.
  15. A linguagem e o discurso da mídia especializada e da mídia massiva. Análise de resultados de pesquisas.


Avaliação


Participação nas aulas: desenvolvimento do conteúdo programático e exercícios de aplicação da teoria. Leitura e fichamentos dos textos propostos para discussão. Seminários a partir dos textos propostos para estudo. Desenvolvimento de projeto de pesquisa em grupo, analisando textos midiáticos nos aspectos de linguagem e de discurso.


Bibliografia


BAKHTIN, Mikhail. Estética da criação verbal. São Paulo : Martins Fontes, 1997.

BARTHES, Roland. O Rumor da Língua. São Paulo : Brasiliense, 1988.

BRANDÃO, Helena H. Nagamine (coord). Gêneros do discurso na Escola. São Paulo : Cortez, 2002.

BRANDÃO, Helena H. Nagamine . Introdução à Análise do discurso. 2ª ed. Rev. Campinas - SP : Editora da Unicamp, 2004.

CHARAUDEAU, Patrick. El Discurso de La Información: la constricción del espejo social. Barcelona , Espanha : Gedisa Editorial, 2003.

JAKOBSON, Roman. Lingüística e comunicação. Tradução de Izidoro Blikstein e José Paulo Paes. 20. Ed., São Paulo : Cultrix, 1995.

KOCH, Ingedore Villaça. A inter-ação pela linguagem. São Paulo : Contexto, 1995.

LURIA, Alexandr Romanovich; trad. Diana Myriam Lichtenstein e Mário Corso; supervisão de trad. Sérgio Spritzer. Pensamento e Linguagem. Porto alegre : artes Médicas, 2001.

MAINGUENEAU, Dominique. Análise de Textos de Comunicação. São Paulo : Cortez, 2001.

MAINGUENEAU, Dominique. Pragmática par o discurso literário. São Paulo : Martins Fontes, 1996.

MARCUSCHI, Luiz Antônio. A ação dos verbos introdutores de opinião. In: INTERCOM – Revista Brasileira de Comunicação, ano XIV, nº 64, São Paulo, Janeiro/Junho de 1991, p.74-92

ORLANDI, Eni Pulcinelli (org). Discurso fundador: a formação do país e a construção da Identidade Nacional. 3ª ed. Campinas : Pontes, 2003.

ORLANDI, Eni Pulcinelli. A linguagem e seu funcionamento: as formas do discurso. 2ª ed. rev. Campinas : Pontes, 1987.

ORLANDI, Eni Pulcinelli. As formas do Silêncio: no movimento dos sentidos. 5ª ed. Campinas : Editora da UNICAMP, 2002.

RABAÇA, Carlos A., BARBOSA, Gustavo. Dicionário de Comunicação. São Paulo : Ática, 1987.

VÉRÓN, Eliseo. Fragmentos de um Tecido. São Leopoldo – RS : Editora Unisinos, 2005.



Cronograma de aitividade - 1º SEMESTRE DE 2007


1º encontro

Apresentação de proposta de atividades do curso. Proposta de desenvolvimento de Projeto de Pesquisa. Conceitos Básicos para o desenvolvimento do curso. Texto: o poder criador da linguagem.


2º encontro

BARTHES – A Divisão da linguagem. Texto 1

BARTHES – A guerra das linguagens Texto 1


3º encontro

KOCH – A inter-relação pela linguagem. As diferentes concepções de linguagem.

Operadores Argumentativos. Texto 2


4º encontro

MARCUSCHI - Verbos introdutores de opinião. Texto 3


5º encontro

MAINGUENEAU – As Leis do Discurso Texto 4


6º encontro

JAKOBSON – Lingüística, teoria da Comunicação. Texto 5

LURIA - A compreensão do sentido – texto e sub-texto. Texto 6


7º encontro

MAINGUENEAU - Mídia e Gêneros do discurso. Texto 7


8º encontro

BAKHTIN – Estética da criação verbal. Texto 8


9º encontro

ORLANDI – A linguagem e seu funcionamento. Texto 9


10º encontro

Assessorias aos projetos de pesquisa da disciplina


11º encontro

ORLANDI – O discurso fundador. Texto 10

ORLANDI – As formas do silêncio. Texto 11


12º encontro

VERÓN – Discurso da Imprensa e enunciação Texto 12


13º encontro

BRANDÃO – Introdução à Análise do Discurso Texto 13


14º encontro

CHARAUDEAU – O acontecimento midiático: a materialidade do tema) Texto 14


15º encontro

Avaliação do curso

Apresentação final dos textos analisados no projeto de pesquisa.



Projeto de Pesquisa — A construção de um novo discurso sobre a História do Brasil: 200 anos da chegada da família Real.


A chegada da família real portuguesa ao Brasil, em 1808, é fato importante da história, principalmente devido às mudanças sociais, políticas e econômicas que se desencadearam a partir dessa data. Os livros de história do Brasil relatam o fato, fazendo predominar o sentido de patriotismo, ressaltando os grandes feitos portugueses para o crescimento do Brasil, construindo a história “oficial”. Em 2008, quando se completam 2 séculos da chegada da família real ao Brasil, a história é recontada pela mídia, fazendo ressaltar aspectos pouco conhecidos pela população, uma vez que não estavam registrados na história. A presente pesquisa tem por objetivo examinar os discursos utilizados pela mídia ao relatar as comemorações dos 200 anos da chegada da família real ao Brasil. Parte-se do pressuposto de que a linguagem específica de cada meio, no contexto social, funciona como um filtro e um transcodificador. Evidentemente, esta seleção e esta transcodificação são determinadas por fatores ideológicos que podem ser revelados por elementos de linguagem, não apenas pelos itens lexicais ou pelas estruturas com as quais se compõem o texto, mas, sobretudo, pelos itens ou assuntos que ganham destaques em detrimento daqueles que sequer são citados pela mídia. A pesquisa a ser realizada durante o desenvolvimento da disciplina “Linguagem, Comunicação e discursos sociais” é parte do projeto de pesquisa intitulado “Linguagem e discursos especializados na Comunicação”, coordenado pela profª Drª Elizabeth Moraes Gonçalves. O projeto será desenvolvido pelos alunos do curso acima mencionado, como parte da avaliação do curso, sob a supervisão da docente responsável.



Composição do corpus


O corpus de análise será composto pelo material publicado na mídia, nos dias 07 e 08 de março de 2008) sobre o tema. Objetivos específicos: Propiciar uma reflexão a respeito da importância da mídia na construção de um determinado discurso, a partir do estudo das diferentes abordagens sobre um mesmo tempo, por veículos diferentes.

Ao pesquisar aspectos da linguagem na organização da mensagem, o aluno deverá entender que o texto exige uma leitura das entrelinhas, na busca do posicionamento do locutor e do grau de argumentatividade. Por meio da análise de diferentes mensagens, a comunicação será estudada como elementos de linguagens que se combinam de acordo com o contexto do enunciado e da enunciação, portanto em um contexto de não neutralidade, mas de intencionalidade. Dessa maneira, será necessário: a) mapear os aspectos ou recortes da temática no processo de seleção feito pelo veículo em relação ao assunto em pauta; b) verificar como se deu a discussão sobre a temática, analisando a seleção lexical, a abrangência do enfoque, o destaque utilizado. c) detectar as diferenças de abordagem, linguagem e profundidade nos veículos que compõem o corpus. Metodologia: O trabalho a ser desenvolvido ao longo do primeiro semestre de 2008, com o acompanhamento da professora da disciplina, utilizará o método comparativo à luz da análise da linguagem e do discurso. O tema deverá ser examinado em pelo menos 2 veículos. Depois do mapeamento inicial do material, os pesquisadores partirão para a análise comparativa entre as abordagens do tema estudado pelos veículos selecionados. A proposta é avaliar a linguagem utilizada, dependendo do perfil editorial de cada veículo. A análise crítica do Discurso permitirá observar como se dá a construção de um discurso sobre a história do Brasil, além do discurso oficial, amplamente conhecido e estudado nas escolas.



Propostas


A temática “os 200 anos da chegada da família real ao Brasil” poderá ser recortada de diferentes maneiras, por exemplo: 1. as comemorações relatadas por 2 grandes jornais. 2. as comemorações relatadas por jornais brasileiros e portugueses 3. o relato histórico dos fatos. 4. as contribuições de D.João à cultura do país. 5. a criação da imprensa no país. Outros...


Ações do documento