Você está aqui: RROnline Notícias Cidades 2012 08 2012 08 Julho tem recorde de operações comboio nas rodovias Anchieta e Imigrantes

Julho tem recorde de operações comboio nas rodovias Anchieta e Imigrantes

por DEISE ALMEIDA DOS SANTOS última modificação 03/08/2012 14:43
Em 31 dias foram registradas 144 intervenções; neblina é a principal causa do trajeto com escolta até o litoral

Publicado em 03/08/2012 12:25
Última atualização às 14:43

Contraste | A A+ A++
Julho tem recorde de operações comboio nas rodovias Anchieta e Imigrantes

Neblina é a principal causa das 144 operações comboio realizada no mês de julho - Foto: Arquivo/ RRJ

DEISE ALMEIDA
Da Redação*

No inverno é comum que os motoristas encontrem neblina no trajeto que liga São Bernardo até o litoral paulista. Porém, no último mês de julho a baixa visibilidade foi cinco vezes maior que o usual nos trechos de serra do sistema Anchieta-Imigrantes. De acordo com a Ecovias, concessionária que administra as rodovias, em 31 dias foram registradas 144 operações comboio, realizadas pela concessionária em parceria com a Polícia Militar Rodoviária. O número corresponde a quase metade dos comboios organizados no primeiro semestre de 2012, quando foram registradas 332 descidas monitoradas.

A operação comboio é realizada sempre que a visibilidade em qualquer ponto da serra fica inferior a 100 metros. Nesses casos, as praças de pedágio do Km 31 da via Anchieta e do Km 32 da rodovia dos Imigrantes são bloqueadas para impedir o tráfego. Os veículos são liberados após o acumulo de 500 carros, que são escoltados por viaturas da polícia rodoviária até um trecho com melhor visibilidade.

Segundo a meteorologista Olívia Nunes, a alta densidade da neblina registrada em julho se deve à combinação das baixas temperaturas, ventos fracos e o aumento de umidade relativa do ar. “Essas características são comuns nessa época do ano. Mas, principalmente no início do mês de julho, as condições do tempo ficaram muito irregulares, provocando neblina mais baixa e densa”, disse.

De acordo com um levantamento realizado pela Ecovias, as chances de acontecer um acidente em dias de neblina aumentam quase 40% porque os motoristas não têm treinamento para dirigir com neblina.

Por isso, toda vez que a concessionária monta a operação comboio, são distribuídos guias práticos sobre como agir nesta situação. No material, os motoristas são instruídos a não usar farol alto, manter distância do carro da frente, reduzir a velocidade e não ligar o pisca- alerta, por exemplo. O guia também pode ser encontrado pela internet, no site www.ecorodovias.com.br/semacidentes.

*Esta reportagem foi produzida por alunos do curso de Jornalismo da Universidade Metodista de São Paulo.

Ações do documento
registrado em: