Você está aqui: Página Inicial / Rudge Ramos Jornal / Praga pode estar até em aparelhos

Praga pode estar até em aparelhos

por jessica.rodrigues1 — última modificação 15/06/2012 09h38

Publicado em 15/06/2012 09h10

Última atualização em 15/06/2012 09h38

Praga pode estar até em aparelhos
Maria Tereza conta como funciona sua "armadilha dos palitos" Foto: Marcello Martini/ RRJ

MARCELO MARTINI
Do Rudge Ramos Jornal*

Eliminar aquelas formigas caseiras que invadem casas e apartamentos não é uma tarefa fácil. Após o surgimento de um ninho, a formiga rainha que habita o espaço pode viver até 20 anos. O primeiro passo é localizar as chamadas colônias, que podem surgir em vários lugares, desde cavidades em madeiras, troncos, e até dentro de aparelhos domésticos.

Leia também: No Brasil, há cerca de 3 bilhões de formigas e Saiba quais são os riscos causados pela formiga

Além disso, as formigas domésticas têm certa facilidade para se associar com o morador. Elas migram em busca de água e alimento, mudando frequentemente o ninho de local, o que dificulta ainda mais o combate, de acordo com as dedetizadoras Ibaraki e D.D.Drin, conforme divulgam em site (www.ibaraki.com.br e www.dddrin.com.br).

A comerciante Dalva Lopes conta que só conseguiu se livrar da praga quando contratou uma empresa especializada. “Eu tentei de tudo para matá-las e não consegui. Logo que abri meu comércio, tive problemas. Decidi contratar uma dedetizadora. Foi tiro e queda”, declarou Dalva, que é proprietária de uma doceria há 10 anos na Mooca, em São Paulo.

“A empresa me vendeu um gel inodoro, que eu deveria passar próximo às trilhas das formigas. Elas ingerem esse veneno e carregam para dentro do ninho, matando a rainha e acabando com a colônia. Apliquei o gel uma vez apenas e nunca mais me apareceram formigas”, afirmou Dalva.

O gel é um produto químico desenvolvido especialmente para formigas. Seu gosto é muito semelhante ao do açúcar, tornando-se irresistível para esses insetos, segundo o dedetizador André Macedo, que trabalha no combate a pragas há cinco anos. “O gel não tem cheiro, é totalmente eficaz e muito procurado, já que não prejudica a saúde. Pode ser aplicado sem que o morador tenha que sair de casa, como acontece na maioria dos processos de dedetização.”

No entanto, algumas pessoas utilizam maneiras mais peculiares para eliminar as formigas. É o caso da dona de casa Maria Tereza Andrés, 68. Para ela, o que funciona é “a armadilha dos palitos”.

“Eu coloco vários palitos de sorvete dentro da pia, depois de passar no açúcar, as formigas vêm. É só esperar uma hora que a pia está infestada. Aí é só abrir a torneira”, contou Maria Tereza, que aprendeu a receita com sua mãe e desde então a utiliza como tradição familiar.

Maria Tereza relata ainda que fez algumas alterações no método original. “Eu sempre usei colheres, mas como aqui em casa o pessoal chupa muito sorvete, eu comecei a guardar palitos, assim não tenho que sujar nenhum talher”, disse a avó de cinco netos.

Porém Maria Tereza alerta que é preciso ter cautela. Se alguém esquece doces fora da geladeira ou deixa algum alimento cair no chão, as formigas voltam rapidamente. “Elas ficam bastante tempo sem voltar. Mas, se não tomar cuidado, vem tudo de novo.”

Todavia o especialista André Macedo não recomenda os métodos caseiros. “Matar apenas as formigas aparentes não significa eliminar o ninho. Enquanto a rainha estiver viva, elas continuarão a se reproduzir e aparecer. Procurar uma empresa de dedetização é a melhor alternativa para se livrar de formigas ou qualquer outro tipo de insetos”, falou.

*Esta reportagem foi produzida por alunos do curso de Jornalismo da Universidade Metodista de São Paulo

Ações do documento