Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Saúde / Pasta 5 / Um em cada cinco paulistas não faz exercícios físico de maneira adequada

Um em cada cinco paulistas não faz exercícios físico de maneira adequada

por rroeditor — última modificação 13/03/2009 17h20
O estudo foi realizado em 2008 e ouviu 2.600 de São Paulo e de 13 regiões do estado.

Publicado em 13/03/2009 17h20

Última atualização em 13/03/2009 17h20

NAYARA FERNANDES
da Redação


Um levantamento feito pela secretaria de Estado da Saúde mostrou que um em cada cinco paulistas não pratica atividade física de maneira adequada para manter a saúde em dia. O estudo, foi realizado em 2008 e ouviu 2.600 de São Paulo e de 13 regiões do estado e foi divulgado nesta quinta-feira (12).

Segundo o levantamento, 19,4% não atendem às recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde) de fazer 30 minutos de exercícios físicos por pelo menos cinco dias da semana.

Para o professor de educação física da Universidade Metodista Ivan Maziero a falta de tempo das pessoas é um "grande mal". Segundo ele, "as pessoas ficam sem tempo para fazer exercícios e quando fazem é por causa que o médico pediu ou outro motivo".

Já o número de pessoas que não fazem nenhum tipo de atividade física é de 3,4%. A realização de atividades em tempo e quantidade de dias menor do que o recomendado foi de 7,4% dos entrevistados para a pesquisa. O tempo ou o número de dias que praticavam exercícios é errado para 8,6% dos pesquisados.

Cerca de 65% dos entrevistados foram considerados, pela pesquisa, ativo já que faziam pelo menos 30 minutos por dia de exercícios. O número de pessoas consideradas muito ativas, quando praticam exercício além do recomendado, subiu de 13,4 em 2006 para 15,9% no ano passado.

Entre as mulheres foram 71% de ativas e 11,9% de muito ativas, número superior ao dos homens que representaram 58,3% na categoria de ativos e 19,9% de muito ativos.

Ivan recomendou que as pessoas devem fazer os 30 minutos recomendados pela OMS de maneira contínua. "Deve ser feito de maneira regular, seguindo um ritmo diário e sempre por 30 minutos", afirmou.

O levantamento foi feito em parceria entre a Secretaria de Saúde do Estado e a Celafisc (Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul), entidade que realiza o Agita São Paulo, da Secretária.

Idosos
No ranking de pessoas que menos praticam atividades físicas os idosos lideram o estudo. Das pessoas com 60 anos ou mais 28,9% não seguem as recomendações da OMS. Segundo levantamento, 8,4% dos idosos foram considerados totalmente sedentários.

Ações do documento

registrado em: