Você está aqui: Página Inicial / Prefeito de São Bernardo autoriza obras de reforma na UBS Vila Rosa

Prefeito de São Bernardo autoriza obras de reforma na UBS Vila Rosa

por giovanna.pellissari última modificação 27/09/2019 15h15
A previsão de entrega da nova estrutura à população é para junho de 2020

Publicado em 27/09/2019 15h11

Última atualização em 27/09/2019 15h15

Prefeito de São Bernardo autoriza obras de reforma na UBS Vila Rosa
Além do ganho de espaço, os moradores da região terão atendimento estendido até às 22h. Foto: Andressa Schmidt

ANDRESSA SCHMIDT
Da Redação*

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, autorizou o início das obras de reforma e ampliação da Unidade Básica de Saúde Vila Rosa, localizada no Jardim Independência. Após a entrega da obra orçada em R$1,5 milhão e prevista para junho de 2020, a UBS passará a funcionar no prédio ao lado da estrutura que atualmente ocupa e contará com 12 consultórios clínicos.

Além do ganho de espaço que será ampliado de 639m² para 831,64m², os moradores da região terão atendimento estendido até às 22h, modelo que também foi implementado em outras Unidades de Saúde da cidade. A reforma da unidade é uma demanda antiga dos pacientes e chegou a ser iniciada na gestão passada, mas foi paralisada em 2016.

“O atendimento aqui é regular e eu espero que melhore com a reforma em questão de médicos e espaço para se locomover dentro do local”, conta Débora Miriã Casé Nutti, munícipe de São Bernardo que utiliza os serviços da UBS Vila Rosa. Outra moradora da região, Taciane Teixeira, contou que no dia 26/09 não foi bem atendida: “Cheguei na Unidade era 8h da manhã para coletar exame de sangue, estava com a guia na mão, só que a enfermeira não estava adequadamente orientada para o serviço, então eu tive que esperar cerca de 40 minutos até ela mandar mensagem no grupo do laboratório para verificar se eu poderia realizar o exame ou não sem autorização, porque de imediato ela disse que precisaria de uma. Eu espero que, com a reforma, tenha médicos suficiente para atender a população, não demore para marcar uma consulta. O espaço precisaria ser melhor porque não é grande, e o atendimento também precisa melhorar colocando pessoas mais qualificadas que saibam informar corretamente”.

Em resposta, a Secretaria de Saúde informa que a UBS realiza cerca de 5,2 mil atendimentos por mês e tem a expectativa de aumentar este número em 30%, acrescentando que o objetivo da reforma é oferecer uma estrutura de atendimento mais moderna, confortável e segura para a população. A Secretaria ainda respondeu que, até o final do ano, um total de 24 unidades começaram a atender até às 22h.

 

*Esta reportagem foi produzida por estagiários do Curso de Jornalismo da Universidade Metodista de São Paulo

Ações do documento