Você está aqui: Página Inicial / Rudge Ramos Jornal / São Caetano efetiva auxiliar Aílton Silva até o fim da Série B

São Caetano efetiva auxiliar Aílton Silva até o fim da Série B

por mariangela.lisboa — última modificação 01/11/2012 15h40
Técnico já subiu o Santo André no Campeonato Paulista da Série A-2 de 2008

Publicado em 01/11/2012 09h10

Última atualização em 01/11/2012 15h40

MÁRCIO DONIZETE
Do Rudge Ramos Jornal*

O São Caetano segue com o auxiliar técnico Aílton Silva, 45, até o fim da disputa da Série B do Campeonato Brasileiro, informou o presidente Nairo Ferreira. Com isso, o Azulão não deve procurar treinador após a demissão do técnico Émerson Leão, na última quinta-feira (25).

Silva afirmou que esta é uma ótima oportunidade de mostrar seu trabalho. “Meu sonho sempre foi treinar o São Caetano. Estou aguardando há um ano e quatro meses essa chance e ela chegou”.

O técnico já obteve um acesso na carreira, e foi no ABC, quando treinava o Santo André, em 2008. Na época, o Ramalhão conquistou o título do Campeonato Paulista da Série A-2. Ailton Silva também ficou boa parte da campanha da Série B do Brasileirão, quando o clube também subiu de divisão. A estreia do técnico no Azulão foi na Série B de 2011, na derrota por 1 a 0 diante da Ponte Preta. No último sábado (27), o auxiliar comandou o time no triunfo de 1 a 0 contra o Vitória (BA), em Salvador.

"Optei por permanecer com o time base que o Leão deixou, sem grandes mudanças, porque contra o Vitória o time foi bem, mas coloquei o Gabriel e o Somália de volta aos titulares", explicou Silva.

Para o goleiro Luiz, a decisão da diretoria de manter o treinador no comando da equipe foi acertada. “Melhor coisa que fizeram foi ter efetivado o Ailton, porque, com apenas cinco jogos restando, nenhum treinador iria conhecer tão bem o elenco quanto ele conhece", disse.

O contrato de Aílton Silva com o São Caetano termina em 30 de novembro. A permanência do técnico depende dos resultados que obtiver nos últimos cinco jogos na Série B, que podem colocar o Azulão de volta à Série A do Campeonato Brasileiro.

Jogo da década

São Caetano X Atlético (PR), segundo os torcedores, foi definido como “jogo da década”, devido ao confronto direto entre as duas equipes pela vaga no G4. A partida é no sábado (3), às 16h20, no Estádio Anacleto Campanella. O time do ABC tem 61 pontos e está em quinto lugar na classificação da Série B, a um ponto apenas do Furacão, quarto colocado.

“O Atlético se defende bem e sai para o contra-ataque, assim como foi contra o Vitória. Mas eles não vão encontrar facilidade. Quem vir ao Anacleto vai ver um bom jogo, porque todos estão tratando como a grande decisão”, afirmou o goleiro Luiz.

As duas equipes também já têm um histórico de rivalidade no futebol nacional. Em 2001, decidiram o Campeonato Brasileiro da Série A. Na oportunidade, o Atlético (PR) foi o campeão nacional, vencendo os dois jogos (4 a 2 na Arena da Baixada e 1 a 0 no Anacleto Campanella).

No primeiro turno da Série B deste ano, em 4 de agosto, o Azulão derrotou o time paranaense por 1 a 0, no Estádio Gigante do Itiberê, em Paranaguá (PR), o que ocasionou a demissão do técnico Jorginho, do Atlético (PR).

*Esta reportagem foi produzida por alunos do curso de Jornalismo da Universidade Metodista de São Paulo

Ações do documento

registrado em: ,