dez 2011 06

PPGA – Metodista, 2011-2012: metas, projetos e conexões

Prof. Dr. Luiz Roberto Alves

Prof. Dr. Luiz Roberto Alves

No encontro que tiveram na CAPES em 3 e 4 de novembro p.p., coordenados pela Profa. Eliane Zamith Brito, coordenadores e coordenadoras dos programas de mestrado e doutorado em Administração, Ciências Contábeis e Turismo de todo o Brasil repensaram os processos de avaliação, debateram a formação ideal do magistério e do pesquisador e projetaram perspectivas para o futuro próximo. Como se sabe, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior tem a incumbência de avaliar os programas de pós stricto sensu – atualmente em número de 149, somente na área de subárea de Administração – e acompanhar todo o processo formador, tendo em vista a vitalidade do sistema educacional brasileiro e, especialmente, a construção de uma dinâmica universitária que favoreça todos os níveis desse sistema. A despeito da especificidade das áreas e campos do saber, no fundo o comprometimento da universidade reside na melhor qualidade da educação brasileira. Sobre isso falou especialmente o Prof. Lívio Amaral, diretor de avaliação. A Profa. Eliane Zamith assumiu o trabalho de abrir os diferentes temas sobre os quais incidem as atividades avaliativas e, em seguida, os grupos de trabalho estudaram as subdivisões temáticas e produziram sugestões de valor, quer para aplicação a curto prazo, quer a médio. Visto que todo o sistema de educação pós-graduada stricto sensu será avaliado ao final de 2012 – que diz respeito ao triênio 2010-2012 – a maior parte dos estudos que promovem mudanças na avaliação poderá ser reservada para início no próximo triênio, pois isto implica plena consciência das regras e processos vigentes durante os três anos.

O PPGA-Metodista alinha-se aos desejos e perspectivas da pós-graduação brasileira. Os documentos institucionais da Metodista destacam o processo contínuo de formação, o valor da cidadania, a extensão como trabalho e solidariedade, a pesquisa como valor intrínseco da ação educativa e a urgência na inserção social de educandos e educadores. Por isso, o PPGA reorganizou em 2011 seu sistema de trabalho, constituindo-se em grupos de trabalho e grupos de pesquisa. Seis grupos de trabalho, que contam com professores doutores, mestrandos/as, mestres formados pelo PPGA e graduandos de iniciação científica, trabalham a favor dos objetivos do programa, estabelecidos pelo seu colegiado, consideradas as leis, as normas e as regulamentações. Tais objetivos de trabalho implicam na otimização da formação docente, participação em atividades acadêmicas, extensão, pesquisa aplicada, criação e publicação, visibilidade e divulgação científica, relações internacionais e organização de projeto temático. Ademais, do interior desses grupos de trabalho nascem os grupos de pesquisa, também formados por diferentes atores da universidade. Tais grupos de pesquisa resultam do alinhamento dos projetos individuais de pesquisa e sua conexão ao temático, o qual é voltado a pensar a governança em áreas metropolitanas. Trata-se, pois, de criar o máximo de envolvimento de saberes e competências a favor da melhor formação do magistério superior, da criação técnico-científica compartilhada socialmente e da solidariedade nas relações acadêmicas.

Os grupos se encontram em plena ação e seus produtos são e serão relatados e compartilhados em congressos, seminários, encontros, colóquios e publicações. Interessa ao PPGA-Metodista o mais amplo diálogo com programas da área e afins. Identificado com o conjunto de problemas e possibilidades de uma das maiores regiões metropolitanas do mundo, em meio a intensa globalização de meios e processos de produção, disseminação tecnológica e serviços e parceiro de outros três mestrados e dois doutorados, em humanidades, educação e saúde, o PPGA-Metodista conhece bem e trabalha suas metas nos atos de ensinar, pesquisar e prestar serviços às sociedades locais/regionais da metrópole.

Luiz Roberto Alves (Coordenador PPGA)

 

Esta entrada foi publicada em Capes, Editorial, Notícias do Programa e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>