A DOCÊNCIA NO TRABALHO COM ALUNOS COM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA: Conhecendo as dificuldades, propondo caminhos

Walk Loureiro

Resumo


Trata das dificuldades enfrentadas pelos professores que trabalham com alunos diagnosticados com o Transtorno do Espectro Autista (TEA). Corresponde a uma pesquisa de revisão de literatura que procedeu consultas de artigos que tratavam das dificuldades de professores para lidar com os alunos com TEA nos dois mais importantes periódicos da área da educação especial brasileira. As principais questões identificadas foram: problemas na formação dos professores; dificuldades na adaptação curricular; e problemas na comunicação entre professores e alunos com TEA não oralizados. Como soluções para enfrentamento dos problemas sugere: o investimento em formação continuada e uma maior e melhor integração entre as redes e ensino e as universidades; a realização de uma avaliação paulatina dos alunos com TEA e maneira a focar em suas potencialidades e progressos ao invés de suas incapacidades; criar meios de comunicação alternativa entre professores e alunos envolvendo a família.

Palavras-chave


Docência. Transtorno do Espectro Autista. Prática pedagógica. Inclusão. Educação especial.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15601/f@d.v15i1.2458

Apontamentos

  • Não há apontamentos.