A Internet de Pessoas: a Web 3.0, a Exposição dos Usuários nas Mídias Sociais e a Polarização de Ideias na Rede

Bruno Antunes

Resumo


A proliferação de dispositivos móveis, conectados à internet, integrou o indivíduo à tecnologia digital. Nesse contexto, o acesso à informação, em qualquer lugar, possibilitado pela ubiquidade da internet, permitiu que as mídias sociais se desenvolvessem e se tornassem fundamentais no cotidiano social. Porém as empresas de informação criaram algoritmos de filtro-bolha para personalizar conteúdos, a fim de expor anúncios e produtos aos internautas. Forte consequência dessa prática foi a polarização de ideias nas mídias sociais, que vem provocando embates ideológicos e desunião entre os usuários. Nesse contexto, este trabalho visa a analisar esse fenômeno atual, bem como suas consequências sobre a sociedade e a comunicação.


Palavras-chave


Mídias sociais, polarização, filtro-bolha, web.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15603/2176-0934/aum.v20n20p191-203

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.