Literatura bíblica e a pintura de Marc Chagall (1885-1987): “Le sacrifice d’Isaac”

Douglas Rodrigues da Conceição

Resumo


O presente artigo tem por objeto de análise a tela “Le sacrifice d’Isaac, de Marc Chagall (1885-1987), que desde 1973 passou a pertencer à coleção permanente do Musée National Message Biblique Marc Chagall, em Nice, França. A questão a ser evocada, neste texto, é a ostensiva convocação estética da narrativa bíblica de Gênesis 22, 9-14 para o interior da referida tela. Parte-se da hipótese segundo a qual a tela em questão realiza um fenômeno da linguagem denominado por Roman Jakobson de tradução intersemiótica.


Palavras-chave


Literatura bíblica. Marc Chagall. Pintura. Tradução intersemiótica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1677-2644/correlatio.v16n1p175-200

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.