Três depoimentos de artistas plásticos

Nina Arbex, Denise Nozaki Coelho, José Vieira Filho

Resumo


Durante o último Seminário em diálogo com o pensamento de Paul Tillich, dedicado à relação entre religião e artes visuais, convidamos três artistas plásticos para dar um depoimento sobre o seu encontro com o Sagrado através da arte. Para Denise Nozaki, uma obra de arte é a concretização da imagem autêntica que um artista tem dentro de si. A autora expressa no quadro Malinkaya a transição menina-mulher, divino-humano, presente nela mesma. Para José Vieira, a união entre a religião e a arte leva a alcançar um estado alquímico na relação com a argila, matéria sagrada. “Durante o processo de criação, caminho no vazio e a relação com a técnica passa a ser o fio que me liga como artista ao fazer sagrado”. Nina Arbex procura compartilhar a experiência da criação pictórica no âmbito do Sagrado, remetendo à Bíblia sagrada, a Paul Tillich e Rudolf Otto. Para ela, ao se apropriar do simbólico, o artista encontra o numinoso. “Buscar compreender o Sagrado passou a fazer parte de uma busca essencial não apenas no aspecto religioso, mas também no mundo do artista”. Juntamos os três depoimentos num único texto. Na medida do possível, foi conservada a formatação de cada artista. 


Palavras-chave


artista plástico; testemunho; religião; arte

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1677-2644/correlatio.v16n1p225-235

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.