Atualidade do pensamento pedagógico de Paulo Freire em tempos de pandemia (Covid-19): enfrentamentos e (re)invenções

Luciana Miyuki Sado Utsumi

Resumo


O artigo se propõe a revisitar o pensamento pedagógico de Paulo Freire (1977; 1986; 1992; 1995; 1996; 2001; 2005), a fim de articulá-lo na compreensão e no enfrentamento do contexto da escolarização em tempos de pandemia (Covid-19). Tem como objetivo situar o pensamento pedagógico de Freire em função das demandas do tempo presente, de modo a lançar provocações e possibilidades para o futuro da escolarização no contexto da pandemia. O recorte bibliográfico do pensamento pedagógico de Freire se põe em diálogo com estudiosos da obra freiriana, de maneira que podemos concluir que o pensamento pedagógico de Paulo Freire é atual e atemporal, uma vez que confere sustentação teórica e prática aos educadores com esperança por tempos de superação dos desafios em contextos pandêmicos e pós-pandêmicos de escolarização.


Palavras-chave


1. Pensamento pedagógico de Freire; 2. Pandemia (Covid-19); 3. Escolarização; 4. Formação de Educadores

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15603/2176-1043/el.v24n2p193-218

ISSN IMPRESSO: 1415-9902

ISSN ELETRÔNICO: 2176-1043

      IRESIE

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.