Pedagogia digital

Roberto Aparici

Resumo


O ensino presencial e a educação a distância (EAD) geralmente usam semelhantes padrões de comunicação. Este modelo é chamado pedagogia da transmissão. As tecnologias digitais permitem-nos introduzir mudanças profundas na educação, porém a tecnologia atual ainda é primitiva e comparável aos primórdios do cinema. No entanto, mesmo nesta fase ainda precoce da tecnologia digital, profundas mudanças no ensino podem ser feitas apenas desenvolvendo uma pedagogia adequada para a era digital, de maneira social e inclusiva. Por ser uma educação em contínua construção, esta pedagogia não pode focar apenas em hardware, software e conectividade. É necessário desenvolver uma pedagogia da comunicação e aprendizagem, modelos apropriados para um tempo marcado pelo caos, complexidade, incerteza, convergência da tecnologia, integração das linguagens e do uso de narrativas não-lineares. Mas isso não basta. É necessário, ao mesmo tempo, mudar a atitude dos gerentes, administradores, professores, estudantes e o contexto da aprendizagem. Para modificar o velho modelo de aprendizagem de transmissão por um modelo digital "interacionista", é essencial pensar em formas alternativas de aprendizagem e ensino. É urgente pensar em outros modelos de universidade e em outros usos das tecnologias.

 

.

Palavras-chave


Pedagogia digital – Coautoria – Modelos de comunicação –Aprendizagem colaborativa – Poder e controle nas plataformas virtuais de aprendizagem – Narrativa digital

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-1043/el.v12n19p80-94

ISSN IMPRESSO: 1415-9902

ISSN ELETRÔNICO: 2176-1043

      IRESIE

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.