Religião, laicidade e direitos sexuais e reprodutivos: a presença de grupos religiosos conservadores nos espaços públicos da contemporaneidade

Celso Gabatz

Resumo


Este artigo tem o propósito de aprofundar algumas questões acerca da presença de grupos religiosos conservadores na arena publica brasileira e os efeitos desta crescente intervenção sobre os direitos das mulheres, no campo da reprodução e do livre exercício da sexualidade. Os resultados apontam que a laicidade deveria ser respaldada pelo reconhecimento da diversidade cultural e religiosa de modo a ampliar a liberdade de expressão, suplantar possíveis acirramentos e consolidar políticas democráticas. O grande desafio que se impõe é o de deixar de lado possíveis extremismos religiosos ou laicos em detrimento da tolerância, do diálogo e do mútuo aprendizado entre os diversos protagonistas que articulam o debate. 


Palavras-chave


Religião, Laicidade; Direitos Sexuais e Reprodutivos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-1078/er.v31n1p1-23

 

           

 

 

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.