Estudos de Religião

Estudos de Religião é uma publicação quadrimestral editada pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião da Universidade Metodista de São Paulo. Circulando desde 1985, ela tem por objetivo divulgar artigos científicos, relatos e resenhas sobre o fenômeno religioso, contemplando temas ligados a áreas inter-disciplinares como: Linguagens da religião e Religião, Sociedade e Cultura.

Os artigos publicados nesta revista possuem o DOI (Document Object Identifier).

 

Prezados e prezadas articulistas,

devido ao grande número de submissões de artigos à Estudos de Religião, para evitar o acúmulo na fila de avaliação e para procedermos à análise e publicação dos artigos submetidos até o dia 20 de dezembro de 2017, não aceitaremos novas submissões durante o ano de 2018.

Gratos pela compreensão,

Equipe Editorial

 


Imagem para capa da revista

 SEGUNDO NÚMERO DE 2018

 

DOSSIÊ: AS RELIGIÕES E O DESENVOLVIMENTO DE SOCIEDADES AFRICANAS: EXPERIÊNCIAS, APRENDIZADOS E PERSPECTIVAS

Jerry Pillay, Universidade de Pretório, África do Sul

Helmut Renders, Universidade Metodista de São Paulo

 

As religiões ocupam um papel vital nas sociedades africanas. Porém, como elas descrevem seu sonho do futuro? Como elas projetam e entendem o futuro desenvolvimento de sociedades? Como elas se referem a relação entre etnicidade, gênero, religião e o desenvolvimento da sociedade? Como elas contribuem para e interagem com modelos africanos e não ocidentais da cultura e da organização social? Como elas compreendem o papel de uma outra religião distinta da minha em uma determinada sociedade? 

Edição: 2ª edição 2018 (maio - agosto)

Data limite para o envio de textos: fim de março 2018. 

 

 

DOSSIER: RELIGIONS AND THE DEVELOPMENT OF AFRICAN SOCIETIES: EXPERIENCES, LEARNINGS, AND PERSPECTIVES

 Jerry Pillay, Universidade de Pretório, África do Sul

Helmut Renders, Universidade Metodista de São Paulo

 

Religions play a vital role in African societies. However, how do they describe their dream of the future? How do they project and understand the future development of African societies? How do they address questions of ethnicity, gender, religion and the development of society? How do they contribute to and interact with African and not occidental models of culture and social organization? How do they understand and practice their religion in society? How do they understand the role of others religions in society? 

Edition: 2nd Editon 2018 (May - August).

Submission of texts: until March 2018.

 

 

 



DOSSIÊ “RELIGIÃO E OS MARGINALIZADOS NA ÁSIA” (RELIGION AND MARGINALIZED PEOPLE IN ASIA)

 

Editores responsáveis:

Dr. Jung Mo Sung (UMESP)

Dr. Jin-kwan Kwon (Sungkonghoe University, Seoul, Korea)

 

Prazo para submissão de textos: 10 de setembro de 2018

 

 

Ementa:

 

A Ásia é um continente marcado por uma multiplicidade de religiões (as tradicionais e as novas originárias do continente, e as religiões levadas por “missionários”) e essas têm sido objeto de estudo sob diversas perspectivas. Este dossiê tem como o foco central a relação entre as religiões da/na Ásia com povos e grupos marginalizados, seja no uso ou papel da religião como instrumento de dominação colonial ou interna, seja como forma ou instrumento de resistência e lutas de libertação. O enfoque central não está na apresentação ou estudo de uma religião ou movimento religioso específico, mas na relação entre movimentos e instituições religiosas, teologias ou figuras significativas das tradições religiosas e os processos sociais de dominação ou de resistência/libertação.

 

 

Summary:

 

Asia is a continent characterized by a multiplicity of religions (traditional and new ones originates in the continent, and religions brought by "missionaries") and these have been studied from different perspectives. This dossier has as the central theme the relationship between religions with marginalized groups and people in Asia, whether in use or role of religion as an instrument for colonial or internal domination, either as a means for resistance and liberation struggles. The central focus is not on presentation or study of a specific religion or religious movement, but in the relationship between religious movements/institutions, theologies or significant figures of religious traditions, and social processes of domination or resistance/liberation.

 

Chamada de Dossiê 2019 II

 

 

Organizadores:

Donizete Rodrigues (Universidade da Beira Interior e Investigador-Sênior do Centro em Rede de Investigação em Antropologia -Universidade Nova de Lisboa).

Carlos Alberto Steil (Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Pesquisador do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq)  

 

Peregrinação e Turismo Religioso

 

Tentando fundir as correntes teóricas substantivista weberiana e funcionalista durkheimiana, podemos afirmar que a religião, que é do domínio da cultura (Tillich, 2009), tem em si um sistema de ações, na qual os seus participantes articulam tipos específicos de práxis, experiências, ‘efervescências religiosas’, expressões simbólicas e significações de mundo. Neste contexto da relação entre cultura e religião, a peregrinação e o turismo religioso adquirem um papel de relevo. Por isso, a partir, principalmente, da fundamentação sociológica de Émile Durkheim e Max Weber, vários teólogos e cientistas sociais se debruçaram sobre este tema, como MacCannell (1976), Turner & Turner (1978), Cohen (1983), Smith (1989), Amirou (1995), Bauman (1998), Hervieu-Léger (1999), Steil (1996), Abumanssur (2003), Steil & Carneiro (2011), Raj & Morpeth (2015), entre outros autores.

A peregrinação (como communitas) e turismo religioso (como societas) são ‘tipos ideais’ (no sentido weberiano), duas formas imbricadas de vivências religiosas e de sociabilidades, nem sempre de fácil distinção uma da outra. No contexto da sociedade contemporânea ‘reencantada’, onde a religião está fortemente presente no espaço público (Habermas, Casanova), a discussão destas duas manifestações religiosas é deveras pertinente. Neste dossiê pretende-se publicar trabalhos teóricos e teóricos-empíricos que incidam sobre a peregrinação, o turismo religioso e/ou a relação entre ambos.

Data limite: 30/03/2019

 

 

Pilgrimage and Religious Tourism

 

Trying to associate the Durkheimian and Weberian functionalist and substantivist theoretical currents, we can corroborate that religion, which belongs to the domain of culture (Tillich, 2009), has in itself a system of actions in which its participants articulate specific types of praxis, ‘religious effervescence', symbolic expressions and meanings of the world. In this context of the relationship between culture and religion, pilgrimage and religious tourism acquire a prominent role. Therefore, based mainly on the sociological fundamental of Émile Durkheim and Max Weber, several theologians and social scientists have studied this subject, such as MacCannell (1976), Turner & Turner (1978), Cohen (1983), Smith (1989), Amirou (1995), Bauman (1998), Hervieu-Léger (1999), Steil (1996), Abumanssur (2003), Steil & Carneiro (2011), Raj & Morpeth (2015), among other authors.

Pilgrimage (communitas) and religious tourism (societas) are 'ideal types' (in the Weberian sense), two overlapping forms of religious experience and sociability, not always so easy to distinguish from each other. In the context of contemporary 're-enchanted' society, where religion is strongly present in the public dominion (Habermas, Casanova), the discussion of these two religious manifestations is very relevant. The dossier intends to publish theoretical and theoretical-empirical works that focus on pilgrimage, religious tourism and/or the relationship between them.

Deadline: 03/30, 2019

 

Chamada dossiê 2019 III

Organizadores do dossiê

Prof. Dr. Jean-René Valette (Université Paris-Sorbonne)

Prof. Dr. Douglas Rodrigues da Conceição (Universidade do Estado do Pará)

 

 

Ecos da Bíblia na cultura literária

 

 

Inúmeras publicações emergidas ao longo dos séculos XX e XXI, como, por exemplo, a que foi intitulada “The Great Code: The Bible and Literature” (1982), de Northrop Frye, e que se tornou clássica, e ainda aquelas que surgiram com marcas teórico-metodológicas notadamente interdisciplinar sob a grande sombra da potente categoria nomeada intertextualidade, demostram a importância exercida pelos textos bíblicos, mas não só eles, é claro, na formação da cultura literária mundial. Motiva o presente dossiê, da Revista Estudos de Religião, interrogar sob quais perspectivas (temática, linguística, estética, histórica, sociocultural, arquitextual etc.) a Bíblia influenciou e ainda influência, enquanto matéria prima artística e religiosa, a formação da cultura literária mundial. (Re)escrituras poéticas, romanescas e teatrais, ditas populares ou eruditas e nascidas de poetas, poetisas, escritores e escritoras da América Latina, sobretudo, mas também de outros contextos culturais como África, América do Norte, Europa, Ásia e Oceania, que portem marcas dos textos bíblicos, bem como reflexões de estética, crítica e teoria literárias, estas elaboradas a partir dos textos das “Sagradas Escrituras”, transformam-se em eixos de interesse do presente dossiê da revista Estudos de Religião.

Data limite: 30/09/2019 

 

 

Echoes of the Bible in literary culture

 

A number of publications emerged throughout the 20th and 21st centuries, such as Northrop Frye’s book entitled “The Great Code: The Bible and Literature (1982), which became a reference in terms of scholarship in the field, along with others characterised by an interdisciplinary facet of theoretical and methodological approaches under the category of intertextuality, thus demonstrating the importance of the biblical text in the world literary culture. This present dossier of Revista de Estudos de Religião aims at questioning through a variety of perspectives (thematic, linguistic, aesthetic, historical, socio-cultural, architextual etc.) if the Bible influenced or still influences, as a source of artistic and religious inspiration, the world literary formation. Poetic, Romanesque and theatrical (re)writings, whether vernacular or erudite, composed by poets and writers of Latin America, in general, not forgetting those of Africa, North America, Europe, Asia and Oceania, that bear elements of the biblical text, as well as reflections on aesthetic, critical and literary theory created based on the “Sacred Scriptures”, are subjects of interest in Revista de Estudos de Religião’s dossier.

Deadline: 09/30, 2019

 

Échos de la Bible dans la culture littéraire

 

D’innombrables ouvrages sont apparues tout au long du XXème siècle et au XXIème siècle devenant de grands classiques comme par exemple « Le grand Code » (1982), qui a été écrit par Northrop Frye, et encore beaucoup d’autres publiés d’un point de vue notamment interdisciplinaire, surtout ceux nés et abrités au sein de la puissante catégorie appelée intertextualité. Ils nous révèlent la grandiose importance exercée par les textes bibliques, mais ils ne sont pas les seuls, c’est clair, dans la formation de la culture littéraire mondiale. Ils motivent le but du présent numéro de la Revue  « Études de la Religion », c’est à dire discuter, sous des perspectives (thématique, linguistique, esthétique, historique, socioculturelle, architextuelle, etc.), de la relation entre la Bible et la littérature. La Bible a influencé et influence encore la culture littéraire mondiale, en tant que « matière première » artistique et religieuse. Ce sont les réécritures poétiques, romanesques et théâtrales, dites  populaires, érudites et nées des poétesses, des poètes, des écrivains et des écrivaines originaires en particulier de l’Amérique Latine, mais aussi issues d’autres contextes culturels comme ceux de l’Afrique, l’Amérique du Nord, l’Europe, l’Asie et l’Océanie. Ces écrits portent la marque des textes bibliques, ainsi que des réflexions d'esthétique, des critiques et des théories littéraires élaborées à partir des « Saintes Écritures », ils prennent les textes sacrés comme point de départ et se proposent comme les axes d’intérêt de ce numéro de la revue « Études de la Religion ».

date limite de soumission : 30 septembre 2019

 

 

 

 

 

Notícias

 
Nenhuma notícia publicada.
 
Outras notícias...

v. 31, n. 3 (2017): Estudos de Religião - set.-dez.

Sumário

Apresentação
Sandra Duarte de Souza
PDF
1-3

Dossiê - Los “Sin Religión” en la Modernidad Contemporanea

Dario Paulo Barrera Rivera, Véronique Lecaros
pdf
5-7
Verónica Roldán, Simona Scotti
PDF
9-31
Nestor da Costa
PDF
33-53
Marcelo Ayres Camurça
PDF
55-70
Véronique Claire Gauthier De Lecaros De Cossio
PDF
71-90
Dario Paulo Barrera Rivera
PDF
91-110
Catalina Romero, Véronique Claire Gauthier De Lecaros De Cossio
PDF
111-130
Hugo Rabbia
PDF
131-155
Carlos Nazario Mora Duro
PDF
157-178
Marcos Nicolini
PDF
179-205
Luzio Uriarte
PDF
207-231

Artigos

Jung Mo Sung
PDF
233-253
Frank Usarski
PDF
255-271
Amurabi Oliveira, Kleverton Arthur Almirante
PDF
273-297
Arnaldo Érico Huff Júnior
PDF
299-315
Sandra Duarte de Souza
PDF
317-331
Fabiano Veliq
PDF
333-347
Claudio de Oliveira Ribeiro, André Yuri Gomes Abijaudi
PDF
349-375
Kenner Roger Cazotto Terra
PDF
377-393

Resenhas

Carlos R. Caldas, Filho
PDF
395-402