Apresentação

Tainah Biela Dias

Resumo


Muitas vezes, quando nos propomos a pensar a respeito das relações entre religião e gênero na contemporaneidade, as análises se concentram em sociedades ocidentais. Nesse processo, perdemos de vista as formas pelas quais essas relações se estabelecem em outros contextos socioculturais, assim como, nos escapa pensá-las fora de religiões cristãs. Entretanto, paulatinamente, pesquisadoras e pesquisadores brasileiros têm se debruçado sobre outros grupos religiosos e outras perspectivas que envolvem os estudos feministas e de gênero. No presente número da Revista Mandrágora, expressões do budismo e do islamismo são contempladas e debatidas nas relações entre gênero, religião e feminismo.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15603/2176-0985/mandragora.v24n2p1-3

  

 

 

  

 

  

Licença Creative Commons

Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional