Hertz e as concepções de linguagem e filosofia do Tractatus

José Fernando da Silva

Resumo


Este trabalho apresenta a influência que o pensamento de Heinrich Hertz teve sobre as concepções de linguagem e filosofia do Tractatus de Wittgenstein. Ele apresenta as linhas gerais da teoria dos modelos científicos de Hertz. Em seguida, mostra como seus conceitos fundamentais – admissibilidade, correção e conveniência – estão presentes na concepção da linguagem como representação do Tractatus. Por último, mostra que a noção de conveniência também repercute na concepção de filosofia do Tractatus.


Palavras-chave


modelos lógicos, isomorfismo, linguagem, filosofia, crítica

Texto completo:

Texto completo em PDF


DOI: https://doi.org/10.15603/2175-7747/pf.v1n1p122-141

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.