Um Estudo de Caso sobre a Aplicação de Indicadores de Desempenho no Controle de Gestão

Carlos Roberto Souza Carmo, Igor Gabriel Lima

Resumo


Nos dias atuais, em que a concorrência é crescente e a disponibilidade de recursos é cada vez menor, o planejamento e, consequentemente, sua execução são vitais para a sobrevivência das organizações. Nesse contexto, torna-se necessária a utilização de indicadores que reflitam o desempenho das várias equipes que compõem as organizações em geral. Entretanto, a elaboração e utilização incorreta de indicadores de desempenho, financeiro ou não, pode ser tão danosa ao processo de controle quanto a sua ausência. Diante disso, no intuito de contribuir com debate acerca da temática envolvendo processo de controle de gestão, essa investigação teve por objetivo avaliar a existência, ou não, de uma necessária simetria entre o indicador de desempenho adotado por uma revenda de bebidas nacionais e o respectivo objeto de controle, no caso, o volume de bebidas vendido e entregue. Classificada como uma pesquisa científica de natureza qualitativa e empírica, essa investigação utilizou como principal método de análise de dados a análise quantitativa correlacional bivariada. Sendo que ao final desse estudo, foi possível perceber que, na primeira etapa da análise dos dados, inexistia relacionamento entre o controle (o indicador de desempenho) e o respectivo objeto (o volume vendido e entregue). Em uma segunda etapa, após uma correção no indicador de resultado utilizado, foi constatado que tanto o controle quanto o seu objeto passaram a caminhar na mesma direção.


Palavras-chave


Planejamento. Execução. Controle. Indicadores de desempenho.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15603/2176-9583/refae.v5n1p149-165

 

Revista da Faculdade de Administração e Economia

ISSN: 2176-9583
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.