A INCLUSÃO DO PROFISSIONAL ENFERMEIRO EM INSTITUIÇÕES QUE OFERECEM EDUCAÇÃO INFANTIL

Caroline Dani

Resumo


A atuação do profissional enfermeiro no ambiente escolar é muito importante para acompanhar de forma segura o desenvolvimento e crescimento da criança. O artigo teve como objetivo Conhecer a percepção dos enfermeiros, professores e supervisores pedagógicos quanto a inclusão do profissional enfermeiro em duas instituições de educação infantil municipais e duas particulares em Porto Alegre. Trata-se de estudo qualitativo, exploratório de cunho descritivo, realizado com 4 supervisores pedagógicos (1 por escola), 4 enfermeiros (1 por escola) e 20 professores (5 por escola)  de educação infantil de Porto Alegre. A entrevista foi aplicada após a aprovação do Comitê de Ética do IPA e da Secretaria de Educação do Município de Porto Alegre e os dados foram submetidos ao método de análise temática. Os resultados mostraram a importância do profissional enfermeiro em atuar de maneira efetiva nas escolas de educação infantil promovendo e estimulando atividades educativas e assistenciais neste ambiente uma vez que seu curso de formação os confere estar apto tendo conhecimento sobre o crescimento e desenvolvimento da criança em idade escolar. A escola é um ambiente favorável para o desenvolvimento de práticas relacionadas à saúde conclui-se que a inclusão do enfermeiro nas instituições escolares torna-se necessária uma vez que junto com a equipe multiprofissional e apoio dos pais possam desenvolver práticas educativas promovendo a saúde e contribuindo para evitar doenças e acidentes escolares. A partir do estudo desenvolvido se espera contribuir para o melhor conhecimento do tema por parte das escolas e dos governantes, reforçando a presença do enfermeiro nas escolas entre elas as de educação infantil  proporcionando um atendimento com melhor qualidade aos pais, colaboradores e crianças do serviço, gerando  um sentimento de tranquilidade e segurança aos pais que procuram o serviço.


Palavras-chave


Enfermagem; Enfermeiro nas escolas; Educação infantil.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15602/1983-9480/cm.v21n42p63-70

 

Editora Universitária Metodista IPA
Rua Cel. Joaquim Pedro Salgado, 80 - Prédio A - Sala A001
Cep.: 90420-060 - Porto Alegre - RS | (51) 3316.1249