A Importância da detecção de Streptococcus agalactiae (β-hemolítico do grupo B) em mulheres gestantes

José Nascimento Caldeira

Resumo


O Estreptococo do grupo B,Streptococcus agalactiae é um coco gram positivo, beta hemolítico, e origina várias infecções neonatais que podem até progredir ao óbito. O risco de infecção está expressivamente aumentado em neonatos de gestantes colonizadas nas regiões da vagina e reto, acometendo de 10% a 30% das gestantes. Essas infecções apresentam um alto grau de morbidade e mortalidade. Como prevenção destas infecções neonatais, é recomendada a cultura de material vaginal e retal das gestantes, para que possa ser realizada a quimioprofilaxia adequada. O presente artigo tem como objetivo mostrar a necessidade de divulgação e estudo sobre infecção vaginal e anal causada por Streptococcus agalactiae, em mulheres grávidas e em neonatos. Foi criado um folder e o mesmo será divulgado em uma Escola Estadual em Belo Horizonte.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.