Educação: compromisso com a sociedade no enfrentamento da violência social - DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1982-8993/ml.v4n2p57-67

Luana Carramillo-Going

Resumo


O artigo analisa o compromisso profissional dos educadores com a sociedade, na reflexão de um currículo que analise a transformação das estruturas opressivas que dividem a sociedade. Trata-se do resultado de uma pesquisa qualitativa, realizada no período de 2009/2010, em um projeto na área da educação não formal. Envolveu 50 crianças de 8 a 10 anos de idade, em situação de vulnerabilidade social. O objetivo da pesquisa foi verificar se houve uma transformação nos julgamentos das crianças após participarem dos dilemas e experiências lúdicas que promoveram o pensar sobre a violência e os direitos à igualdade de oportunidades. Como resultado, verificou-se que o percurso dos juízos dos mesmos se posicionou na direção de assumirem gradativamente o pensamento autônomo capaz de aproximá-los dos Direitos Humanos Universais.


Palavras-chave


violência; currículo; desenvolvimento moral; direitos humanos; instituições escolares.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15603/1982-8993/ml.v4n2p57-67