Paradoxos da Inclusão: para além dos mitos legitimadores do preconceito?

Davi Sampaio Marques, Tereza Cristina Batista de Lima, Luis Eduardo Brandão Paiva

Resumo


Este ensaio teórico busca compreender se a teoria dos Paradoxos da Inclusão de Ferdman (2017) reforça ou não os mitos ou discursos legitimadores do preconceito. Para cumprir esse objetivo, são apresentadas e discutidas algumas teorias, que apresentam conceitos relacionados a tais aspectos legitimadores do preconceito, como a Teoria da Dominância Social, a Teoria da Justificação do Sistema e a Hipótese do Contato. Os conceitos mais contemporâneos relacionados com a diversidade e a inclusão são apresentados, aprofundando-se nos paradoxos da inclusão introduzidos por Ferdman. Constatou-se que há elementos que reforçam discursos justificadores do preconceito na teoria apresentada, mas que ela também apresenta elementos inovadores que apresentam o fenômeno da inclusão de um modo mais complexo. há elementos dos paradoxos que de algum modo reforçam alguns mitos legitimadores dos preconceitos, como a importância que é dada ao papel ativo do próprio sujeito na sua inclusão, podendo reforçar aspectos da meritocracia.


Palavras-chave


Diferenças; Paradoxos da Inclusão; Preconceito.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v18n35p183-198

Revista Organizações em Contexto (ROC) - Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação - Universidade Metodista de São Paulo - UMESP.

ISSN Versão Eletrônica 1982-8756

ISSN Versão Impressa 1809-1040 (2005-2008)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.