A Ordem do Cânone: Episteme da Produção Discursiva de Fãs de ASoIaF sobre GoT

Thiago Ianatoni Camargo, André Luiz Maranhão de Souza-Leão, Bruno Melo Moura

Resumo


A série de televisão Game of Thrones (GoT) se tornou um fenômeno cultural, provocando sua avaliação por fãs da saga literária A Song of Ice and Fire (ASoIaF), na qual é baseada. Assumindo, a partir da teoria foucaultiana, as interações fânicas como práticas discursivas e estas como reveladoras de epistemes, a pesquisa analisa como a produção discursiva de fãs de ASoIaF sobre GoT é epistemicamente fundamentada. O método arqueológico foi aplicado à análise dos comentários produzidos em tais interações ocorridas no principal fórum de fãs de ASoIaF. Os resultados revelam quatro formações discursivas, que vão do reconhecimento à reclamação da adaptação. Elas têm em comum a referência ao cânone literário como balizar de tais avaliações, revelando esta instância como sua base epistêmica. Com base na noção foucaultiana de ordem do discurso, propomos haver uma ordem do cânone que norteia a construção de verdades pelos fãs acerca da transmidiação do universo ficcional.


Palavras-chave


Episteme. Fãs. Arqueologia. Foucault. CCT.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v16n32p365-398

Revista Organizações em Contexto (ROC) - Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA - Faculdade de Administração e Economia - FAE - Universidade Metodista de São Paulo - UMESP.

ISSN Versão Eletrônica 1982-8756

ISSN Versão Impressa 1809-1040 (2005-2008)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.