Modelando o BSC para as Universidades do Sistema ACAFE

Mauricio Lima, Fernando Ribeiro Serra, Victor Meyer Jr, Manuel Portugal Ferreira

Resumo


As Instituições de Ensino Superior (IES), percebendo o acirramento da concorrência, reconhecem a importância de repensar sua forma de gestão, buscando uma visão mais competitiva e continuada. Assim, com o objetivo de contribuir para a gestão estratégica dessas instituições, especificamente as pertencentes ao sistema ACAFE, foi utilizada neste estudo a ferramenta de gestão Balanced Scorecard (BSC). Algumas etapas foram necessárias à sua adequação às universidades fundacionais catarinenses. Apresentaram-se e identificaram-se algumas características existentes no ambiente das universidades fundacionais catarinenses e suas peculiaridades em relação a outras organizações que não integram esse setor; realizaram-se os ajustes necessários à ferramenta Balanced Scorecard às universidades do sistema ACAFE; bem como a proposta da ferramenta auxiliar denominado mapa estratégico. Por último demonstrou-se a possibilidade de se desenvolver e utilizar o BSC acadêmico institucional como forma de integrar mais de um campus a gestão focada na estratégia.

Palavras-chave


Gestão universitária; Balanced Scorecard; Estratégia

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v5n9p46-68


Revista Organizações em Contexto (ROC) - Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA - Faculdade de Administração e Economia - FAE - Universidade Metodista de São Paulo - UMESP.

ISSN Versão Eletrônica 1982-8756

ISSN Versão Impressa 1809-1040 (2005-2008)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.