Influência do Capital Humano no Sistema de Inovação da Firma: A Formação de um Construto

David Ferreira Lopes Santos, Silvio Popadiuk

Resumo


Este trabalho tem por objetivo identificar, na literatura, as variáveis utilizadas para representar o capital humano dentro do sistema de inovação das empresas. Apresenta-se, assim, como um ensaio teórico que permeia diversas áreas do conhecimento sob a perspectiva da possibilidade de compreender o capital humano como um recurso econômico e por conseqüência sua mensuração. A diversidade de conceitos que tratam o tema permitiu aumentar a compreensão do fenômeno, todavia, as diferentes variáveis utilizadas como capital humano, bem como, sua formação e seus relacionamentos com diversas variáveis dependentes, levaram a resultados contraditórios (Dewar e Dutton, 1986). Portanto, o interesse na definição de um construto com forte sustentação teórica capaz de servir como direcionador para pesquisas futuras nesta área. Observa-se no final que a diversidade de variáveis utilizadas convergem para formação de um construto baseado na qualificação, característica e resultados deste recurso. O desenvolvimento deste construto respeita as limitações ontológicas do tema, além de permitir que as variáveis sejam trabalhadas diferentemente por cada pesquisador.

Palavras-chave


Capital Humano, Sistema de Inovação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v7n13p107-127


Revista Organizações em Contexto (ROC) - Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA - Faculdade de Administração e Economia - FAE - Universidade Metodista de São Paulo - UMESP.

ISSN Versão Eletrônica 1982-8756

ISSN Versão Impressa 1809-1040 (2005-2008)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.