O Processo de Construção de uma Marca Forte que se Popularizou. O Caso Consul

Evange Elias Assis, Onésimo Oliveira Cardoso, Francisco Antonio Serralvo

Resumo


Este artigo tem como objetivo analisar o processo de construção de uma marca forte que se popularizou ao aproveitar uma oportunidade de negócio para expandir seu mercado, abordando o caso da marca Consul, pertencente ao Grupo Whirlpool. A metodologia consiste em um estudo de caso, no qual se checa um referencial teórico pré-existente com as informações obtidas em entrevistas qualitativas e levantamento bibliográfico. Constatou-se que a Consul se fortaleceu no mercado com produtos de qualidade, fáceis de usar, confiáveis e de preço acessível. O gerenciamento da marca é trabalhado de forma eficaz pela Whirlpool, que realiza periodicamente pesquisas de imagem de marca e lealdade do consumidor. Seu sucesso obtido ao lançar produtos direcionados ao consumidor de baixa renda reflete a preocupação da empresa em atender as necessidades do público-alvo.


Palavras-chave


Produto Popular; Marca Popular; Consumidor de Baixa Renda; Consul

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v8n15p179-197


Revista Organizações em Contexto (ROC) - Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA - Faculdade de Administração e Economia - FAE - Universidade Metodista de São Paulo - UMESP.

ISSN Versão Eletrônica 1982-8756

ISSN Versão Impressa 1809-1040 (2005-2008)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.