Âncoras de carreira e tecnologia na percepção sobre estresse no ambiente de trabalho

Leonardo Nelmi Trevisan, Elza Fátima Rosa Veloso, Rodrigo Cunha da Silva, Joel Souza Dutra

Resumo


A percepção sobre estresse no ambiente de trabalho e sua relação com a chegada das novas tecnologias, considerando as âncoras de carreira nesta composição, é o objetivo deste artigo. Pesquisa quantitativa descritiva, realizada com formandos em Administração, embasou este objetivo. A pesquisa mostrou que o debate entre os estudantes sobre a substituição das tarefas humanas pela tecnologia  da informação não está consolidado. Os resultados da pesquisa sugerem distintas percepções de estresse com as novas  tecnologias nas diferentes “âncoras de carreira” e também diferenças  de gênero. 


Palavras-chave


âncoras de carreira; carreira; tecnologia; estresse; ambiente de trabalho

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v12n24p65-90


Revista Organizações em Contexto (ROC) - Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA - Faculdade de Administração e Economia - FAE - Universidade Metodista de São Paulo - UMESP.

ISSN Versão Eletrônica 1982-8756

ISSN Versão Impressa 1809-1040 (2005-2008)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.