Produção acadêmica acerca do uso de indicadores de desempenho para gestão hospitalar: Uma abordagem bibliométrica

Alisson de Moraes Bastos, Samuel Vinícius Bonato, Débora Gomes de Gomes

Resumo


Este trabalho teve por objetivo apresentar uma caracterização da produção científica acerca de indicadores de desempenho em hospitais e organizações de cuidados à saúde, para tal, adotou-se métodos de revisão oriundos da abordagem bibliométrica. A revisão baseou-se em um processo de seleção de artigos, a critério do pesquisador, que levou em consideração a análise dos títulos, resumos e conteúdos de 1109 artigos que compunham o conjunto encontrado. Para atingir o objetivo proposto escolheu-se 31 artigos onde foram realizados quatro estudos, são eles: Produção, autoria e publicação, conteúdo, citações e referências utilizadas. Dentre os principais resultados encontrados destaca-se a nacionalidade dos autores, os autores mais utilizados para realização da fundamentação teórica na temática da pesquisa, os artigos de maior impacto acadêmico assim como revistas científicas de maior frequência e as metodologias mais utilizadas pelos pesquisadores.


Palavras-chave


Gestão hospitalar; revisão; bibliometria

Texto completo:

PDF

Referências


AKSEZER, C. S. Reliability evaluation of healthcare services by assessing the technical efficiency. Service Industries Journal. v. 31, n. 14, p. 2309-2319, 2011.

ALOLAYYAN, M. N.; ALI, K. A. M.; IDRIS, F. The influence of operational flexibility on hospital performance results: a structural equation modelling (SEM) approaches. International Jornal of Services and Operations Management, v. 13, n. 4, p. 478–497, 2012.

ARAÚJO, R. F.; ALVARENGA, L. A bibliometria na pesquisa científica da pós-graduação brasileira de 1987 a 2007. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação. v. 16, n. 31, p. 51-70, 2011.

BARDIN, L.; Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 1988, 292 p.

BRIGNALL, S.; BALLANTINE, J. Performance measurement in service businesses revisited. International Journal of Service Industry Management, v. 7, n. 1, p. 6–31, 1996.

CALDAS, M. P.; TINOCO, T. Pesquisa em Gestão de Recursos Humanos nos anos 1990: um Estudo Bibliométrico. Revista de Administração de Empresas - RAE, v. 44, n. 3, p. 100–114, 2004.

DUSSAULT, G. A gestão dos serviços públicos de saúde: características e exigências. Revista de Administração Pública, v. 26, n. 2, p. 8–19, 1989.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2010.

KAPLAN, S R.; NORTON P. D. A estratégia em ação: balanced scorecard. (4ª edição). Rio de Janeiro: Campus, 1997.

LONGARAY, A. A. et al. Propostas de redesenho de processos e o papel das equipes organizacionais: uma análise da produção científica à luz da bibliometria, Sistemas & Gestão, v. 13, n. 2, p. 246-254, 2018.

LOVAGLIO, P. G.; VITTADINI, G. The balanced scorecard in health care: a multilevel latent variable approach. Journal of Modelling in Management. v. 7, n. 1, p. 38-58, 2012.

MINTZBERG, H. Criando Organizações eficazes: Estrutura em cinco configurações (2ª edição). São Paulo: Atlas, 2003.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE (OMS), 2019. Disponível em https://www.who.int/ Acesso em 24/01/2019.

PEREIRA JR., E. F. Z.; D'AVILA, L. C. & PEREIRA, F. S. Indicadores de desempenho em serviços e produção: Proposta de mapeamento da produção científica à luz da bibliometria. Sinergia, v. 22, n. 2, p. 61-73, 2018.

PETRI, S. M. Modelo para apoiar a avaliação das abordagens de gestão do desempenho e sugerir aperfeiçoamentos: sob a ótica construtivista. Tese (Doutorado em Engenharia de produção) Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil, 2005.

RAMOS, M. C. A et al. Performance evaluation of hospitals that provide care in the public health system, Brazil. Revista de Saúde Pública, v. 49, n. 43, 2015.

RICHARD, P. J. et al. Measuring Organizational Performance: Towards Methodological Best Practice. Journal of Management, v. 35, n. 3, p. 718–804, 2009.

SANTOS, N. A; LIMA, S. C.; MARTINS, G. A. Análise do Referencial Bibliográfico de Dissertações do Programa Multiinstitucional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis (UFPB, UFPE, UFRN E UNB). Anais do XXXIII Encontro da ANPAD (EnANPAD), São Paulo, SP, Brasil, 16, 2009.

SCHOUT, D.; NOVAES, H. M. D. Do registro ao indicador: gestão da produção da informação assistencial nos hospitais. Ciência & Saúde Coletiva, v. 12, n. 4, p. 935-944, 2007.

SILVA, A. N.; MIRANDA, A. D. Gestão do conhecimento no setor público: um estudo sobre os artigos publicados em periódicos nacionais no período 2005-2015. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, v. 23, n. 52, p. 73-83, 2018.

SILVA, M. Z.; BORGET, A.; SCHULTZ, C. A. (2009) Sistematização de um método de custeio híbrido para o custeamento de procedimentos médicos: uma aplicação conjunta das metodologias ABC e UEP. Revista de Ciências da Administração, v. 11, n. 23, p. 217-244, 2009.

SOUZA A. A et al. Indicadores de Desempenho para Hospitais: Análise a partir dos dados divulgados para o público em geral. Anais do 10º Congresso USP de Controladoria e Contabilidade, São Paulo, SP, Brasil, 15, 2010.

WORMELL, I. Informetria: explorando bases de dados como instrumentos de análise. Ciência da Informação, v.27, n. 2, p. 210-216, 1998.

VANTI, N. Da bibliometria à webometria: uma exploração conceitual dos mecanismos utilizados para medir o registro da Informação e a difusão do conhecimento. Ciência da Informação, v. 31, n. 2, p. 152-162, 2002.




DOI: https://doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v15n30p293-316


Revista Organizações em Contexto (ROC) - Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA - Faculdade de Administração e Economia - FAE - Universidade Metodista de São Paulo - UMESP.

ISSN Versão Eletrônica 1982-8756

ISSN Versão Impressa 1809-1040 (2005-2008)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.