Inovação e Gestão Pública: Uma Análise da Produção Científica Internacional

Sérgio Henrique de Oliveira Lima, Luís Felipe Cândido, Iveltyma Ibiapina, Áurio Lúcio Leocádio

Resumo


Diversos desafios têm levado as organizações na esfera da administração pública a inovar na prestação de seus serviços e na gestão de seus processos. Neste contexto, o objetivo do presente trabalho foi realizar um mapeamento da produção científica internacional sobre inovação e gestão pública por meio de um estudo bibliométrico. Para atingir tal objetivo, foi levantada e uma base de análise de 673 artigos. Os resultados mostraram a consolidação da produção científica no campo nos últimos anos, além de confirmar os pressupostos das leis bibliométricas de Lotke e Bradford, ao se observar uma concentração desproporcional desta produção em alguns autores e periódicos, respectivamente. Ademais, a visualização e a análise de redes bibliométricas permitiram identificar as principais temáticas de pesquisas no campo. Algumas limitações e sugestões de pesquisas futuras são discutidas para o desenvolvimento dos estudos no campo.


Palavras-chave


Administração pública; Bibliometria; Sociometria; Coautoria; VOSviewer

Texto completo:

PDF

Referências


AGGER, A.; SØRENSEN, E. Managing collaborative innovation in public bureaucracies. Planning Theory, v. 17, n. 1, p. 53-73, 2018.

ALVARADO, R.U. A produtividade dos autores sobre a lei de Lotka. Ciência da Informação, v. 37, n. 2, p. 87-102, 2008.

ARUNDEL, A.; BLOCH, C.; FERGUSON, B. Advancing innovation in the public sector: Aligning innovation measurement with policy goals. Research Policy, v. 48, n.3, p. 789-798, 2019.

AXELSON, M.; NETZ, J.; SANDSTRÖM, C. Collective action problems in public sector innovation: A business model perspective. Creativity and Innovation Management, v.26, n. 4, p. 370–378, 2017.

BARTON CUNNINGHAM, J.; KEMPLING, J.S. Implementing change in public sector organizations. Management Decision, v. 47, n. 2, p. 330-344, 2009.

BOSSERT, T. Analyzing the decentralization of health systems in developing countries: Decision space, innovation and performance. Social Sciences & Medicine, v.47, n. 10, p. 1513-1527, 1998.

BRANDÃO, S.; BRUNO-FARIA, M. Inovação no setor público: Análise da produção científica em periódicos nacionais e internacionais da área de administração. Revista de Administração Pública, v. 47, n.1, p. 227-248, 2013.

BUFREM, L.; PRATES, Y. O saber científico registrado e as práticas de mensuração da informação. Ciência da Informação, v.34, n.2, p. 9-25, 2005.

COSTA SANTOS, M.J.V. Correspondência científica de Bertha Lutz: um estudo de aplicação da lei de Zipf e ponto de transição de Goffman em um arquivo pessoal. Ponto de Acesso, v.3, n. 3, p. 317-326, 2009.

DE VRIES, H.; TUMMERS, L.; BEKKERS, V. The diffusion and adoption of public sector innovations: A meta-synthesis of the literature. Perspectives on Public Management and Governance, v. 1, n. 3, p. 159-176, 2018.

DEMIRCIOGLU, M.A. The effects of empowerment practices on perceived barriers to innovation: Evidence from public organizations. International Journal of Public Administration, v.41, n. 15, p. 1302-1313, 2018.

FASSAUER, G.; SCHIRMER, F. Professionals as an implementation barrier to change in public organisations: Political and identity perspectives. International Journal of Leadership in Public Services, v. 4, n. 4, p. 11-23, 2008.

FERREIRA, F.; DE LIMA, S.; GOMES, A.; MELLO, G. Governança Corporativa: um estudo bibliométrico da produção científica entre 2010 a 2016. Organizações em contexto, v. 15, n. 29, p. 323-342, 2019.

HOOD, C. A public management for all seasons? Public Administration, v.69, n.1, p. 3-19, 1991.

KESSLER, M.M. Bibliographic coupling between scientific papers. Journal of the Association for Information Science and Technology, v. 14, n. 1, p. 10-25, 1963.

LIMA, D.H.; VARGAS, E.R. Estudos internacionais sobre inovação no setor público: como a teoria da inovação em serviços pode contribuir? Revista de Administração Pública, v. 46, n.2, p, 385-401, 2012.

MACHADO JUNIOR, C., SOUZA, M.T.S., PARISOTTO, I.S., & PALMISANO, A. As leis da bibliometria em diferentes bases de dados científicos. Revista de Ciências da Administração, v. 18, n. 44, p. 111-123, 2016.

OSBORNE, S.P.; BROWN, L. Innovation, public policy and public services delivery in the UK: The word that would be king? Public Administration, v. 89, n.4, p. 1335-1350, 2011.

PEREIRA, C.; VIEIRA, A.; DAMIÃO, W. Dimensões da Inovação na Pós-Graduação: Papéis e Significados. Organizações em contexto, v. 14, n. 27, p. 211-234, 2018.

RUEDIGER, M.A. The rise and fall of Brazil’s public security program: PRONASCI. Police Practice and Research, v. 14, n. 4, p. 280–294, 2013.

SERDYUKOV, P. Innovation in education: What works, what doesn’t, and what to do about it? Journal of Research in Innovative Teaching & Learning, v. 10, n.1, p. 4–33, 2017.

SMALL, H. Co-citation in the scientific literature: a new measure of the relationship between two documents. Journal of the American Society for Information Science, v. 24, n.4, p. 265–269, 1973.

SMITH, G.; SOCHOR, J.; KARLSSON, I.C.M. Public–private innovation: Barriers in the case of mobility as a service in West Sweden. Public Management Review, v. 21, n.1, p. 116-137, 2018.

VAN ECK, N.; WALTMAN, L. Visualizing bibliometric networks, in Ding, Y., Rousseau, R. e Wolfram D. (Orgs.), Measuring scholarly impact: methods and practice, Springer, New York, NY, p. 285-320, 2014.

VANTI, N.A.P. Da bibliometria à webometria: uma exploração conceitual dos mecanismos utilizados para medir o registro da informação e a difusão do conhecimento. Ciência da Informação, v. 31, n. 2, p. 152-162, 2002.

VOLACU, A. Justice, efficiency, and the new public management. Australian Journal of Public Administration, v. 77, n. 3, p. 404-414, 2017.




DOI: https://doi.org/10.15603/1982-8756/roc.v16n32p77-94

Revista Organizações em Contexto (ROC) - Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA - Faculdade de Administração e Economia - FAE - Universidade Metodista de São Paulo - UMESP.

ISSN Versão Eletrônica 1982-8756

ISSN Versão Impressa 1809-1040 (2005-2008)

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.