O Processo de emancipação das mulheres a partir das teorias de Simone de Beauvoir: um enfoque feminista do conceito de transcendência

Tom Menezes Pedrosa

Resumo


Este artigo pretende explorar a questão da autoafirmação da subjetividade das mulheres por meio da transcendência, conceito central na obra O Segundo Sexo, de Simone de Beauvoir. Neste sentido, far-se-á um minucioso estudo da utilização do conceito de transcendência, sob a ótica existencialista, porém seguindo o enfoque feminista dado por Beauvoir, a fim de reconstruir a condição de opressão da mulher e os meios de superá-la. Dar-se-á ênfase não apenas às questões da má-fé e da cumplicidade, como também da situação, que é ponderada por Beauvoir. Serão identificados e esmiuçados, ainda, aspectos importantes das teorias da autora sobre o conceito em tela: a importância de uma ação feminina em conjunto, além da fraternidade entre homem e mulher, a fim de que os projetos de um possam incorporar os projetos do outro.

 


Palavras-chave


Transcendência; Liberdade; Existencialismo; Beauvoir; Feminismo.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15603/2175-7747/pf.v9n2p183-200

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.