Formação continuada de professores e a teoria histórico-cultural: uma análise bibliográfica

Fabio Brazier, Maria Silvia Pinto de Moura Librandi da Rocha

Resumo


Este estudo busca identificar o que revelam as pesquisas realizadas no período entre 2000 a 2018, sobre a formação continuada de professores, com fundamentação teórica na abordagem histórico-cultural. Para alcançar esse objetivo foi feita pesquisa bibliográfica parametrizada na Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD). Por meio do levantamento realizado foi possível mapear tendências de apropriações teóricas no campo da formação de professores, identificando elementos que caracterizem os processos formativos adotados, quais as temáticas abordadas, segmentos pesquisados e os principais conceitos teóricos utilizados para tratar a questão formativa.  A análise aponta para a presença de ações formativas baseadas na abordagem histórico-cultural, com predominância de estudos envolvendo práticas pedagógicas, no segmento do Ensino Fundamental. No entanto, essas ainda necessitam de uma elaboração teórica mais adensada especificando os conceitos teóricos assumidos, bem como a compreensão do desenvolvimento humano como processo histórico, cultural e social.


Palavras-chave


Formação Docente; Vigotski; Pesquisa bibliográfica.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15600/2238-121X/comunicacoes.v28n3p287-306

Programa da Pós Graduação em Educação

 

    __________________________________________________________________________________________