O cuidar em enfermagem a pessoa com anemia falciforme: aplicação da teoria de Jean Watson na relação enfermeira-indivíduo

Keite Helen dos Santos

Resumo


O presente artigo trata de um relato de experiência desenvolvido em uma Unidade Básica de Saúde, baseado em uma vivência de prática assistencial e educativa junto a um paciente com úlceras venosas conseqüentes da anemia falciforme, objetivando-se a descrição da prática assistencial fundamentada na Teoria do Cuidado Transpessoal de Jean Watson e a aplicabilidade de seus pressupostos como condição determinante para reorganização do plano terapêutico deste indivíduo. Conclui-se que o cuidado de enfermagem deve ser orientado por referenciais teóricos, metodológicos e filosóficos capaz de propiciar a reflexão sobre  a prática assistencial destes profissionais.


Palavras-chave


Teoria de Enfermagem; Assistência de Enfermagem; Saúde Pública

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15600/2238-1244/sr.v16n44p55-61

ISSN Eletrônico: 2238-1244