Perfil epidemiológico de pacientes com síndrome gripal e síndrome respiratória aguda grave

Luciana Maria Mazon, Kamila Schmitz Komuchena, Ana Karina Roik, Adriana Moro Wieczorkievicz, Rafael Gomes Ditterich

Resumo


A Síndrome Gripal é causada pelo vírus influenza que  circula e acomete número expressivo da população mundial a cada ano. Ela se manifesta de forma branda ou grave levando os indivíduos a morte, especialmente aqueles que compõe grupos de risco. O objetivo central deste estudo foi identificar o perfil epidemiológico dos indivíduos que procuraram atendimento na rede pública de saúde com sinais e sintomas de Síndrome Gripal e/ou Síndrome Respiratória Aguda Grave. Trata-se de um estudo quantitativo documental, desenvolvido a partir da análise de fichas de monitoramento da influenzadesenvolvida pela Vigilância Epidemiológica do município de Mafra-SC e disponibilizadas nas Unidades de Saúde do referido município. Os principais resultados demonstraram que a faixa etária que mais procurou atendimento médico em decorrência da doença, foi de adultos jovens do gênero feminino, não imunizados. Foi observado ainda, que a prescrição do Fosfato de Oseltamivir (Tamiflu), foi pouco utilizada pelos profissionais da rede pública de saúde. Os atendimentos predominaram no mês de Junho, período de mais baixas temperaturas. É importante salientar que os dados aqui apresentados são relevantes por levantarem novas questões e hipóteses, as quais poderão servir como base para futuros estudos, que possam contribuir diretamente para o direcionamento de ações no campo da saúde pública.

 


Palavras-chave


Influenza; Epidemiologia; Saúde Pública.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15600/2238-1244/sr.v16n43p37-44

ISSN Eletrônico: 2238-1244